sábado, 30 de abril de 2011

...XXI

Aponto no bloco de notas que hoje estás aqui perto. Hoje, se tudo fosse diferente, estaria lá para te ver. Talvez se tivesse ainda mais perto ou se a vida não fosse um nó de situações, de embaraços e de nadas. Talvez se tudo fosse diferente eu estava lá hoje, aqui tão perto, para mais uma vez, para uma outra vez ir no sonho... Voltar a entrar em melodias de feiticeira, ainda que o canto fosse outro, ainda que nada fosse igual, ainda que dos momentos do passado apenas restem as tuas mãos, fazendo o que sabes fazer tão bem. Momentos de um nada, que pareceu um tudo, que me traz a saudade da alegria, dos olhares trocados entre conversas e copos vazios. Hoje, se tudo fosse diferente, estaria por aí... (re)vivendo outros dias, mas sei bem que tudo não passaria de um erro meu.

1 comentário:

Xaninha disse...

:( oh...
mas, ainda há tempo pa corrigir o erro?! :D

beijinho