sexta-feira, 12 de fevereiro de 2010

Fui de reboque...

Hoje andei num destes... Uma verdadeira emoção! Ficámos com o carro avariado ao km103 e só por acaso estava a bela temperatura de 1º . A paisagem ... linda, gelo em volta, vento de cortar e o som dos dentes a bater e os dois a tiritar de frio! O reboque apareceu, o táxi não! Passado uma hora: o reboque ali estava, o taxi não! Passado uma hora e meia: o reboque continuava ali e o táxi não! O sr. do reboque, simpático, levou-nos até um sitio um pouco mais à frente. Ali ficámos mais uns vinte minutos num descampado, onde paravam carros e se dirigiam a uma casa que ali estava...Hummm... Saiam pares de homens, de dentro dos automoveis, já com o seu banhito tomado, com ares de iam para ali... Claro, que achei logo que não era um descampado inocente, mas que a casa que tinha qualquer tipo de função (sitío de pouca permanência)... Lá veio o táxi, passado 20 minutos de frio e de corpo enregelado até ao esqueleto. Viagem engraçada, de volta a casa, com a esposa do taxista, a dizer muitas vezes: Olha que a estrada vai acabar!
Felizmente não acabou!
O sr. lá nos informou que a casa sobre a qual eu teci comentários menos próprios, afinal, era, apenas, um restaurante...Upss!

4 comentários:

Maria disse...

Ai essa mente... sempre imaginativa ;)
hehehehe

Girl in the Clouds disse...

lol
Que aventura!! kiss

Bloguótico disse...

Acontece aos melhores! Farto de vos dar "boleia" o coche achou por bem fazer o mesmo e também pediu uma!! :D

Knt à casa/restaurante... não erraste muito... afinal de contas sempre se comia algo lá! LOOOL

A mãe que capotou disse...

E o que é que o sr sabe ? Como é que sabe ? E o que é que fazia a senhora esposa no meio de tudo isto ? Temos historia ...
Eu não costumo passar por aqui porque por razões recentes não gosto de vacas... se quiseres saber porquê, passa la pelo meu blog, vais ver se não me das razão... Uma tal de vaca Mumu ...